Paixão à Compaixão

por a n➐w ame n t e

azul

por vezes “amar ao inimigo”

é ter compaixão…

por seu parceiro

seu parente mais próximo 

um amigo de maior intimidade

ou ainda amar a si mesmo.

portanto, para se amar plenamente…

viveremos as inevitáveis paixões

seus prazeres e sofrimentos

até o seu limite, até a chegada da crise…

até a necessidade da mudança.

e para avançar, expandir

algo em si deve se transformar.

elevar-se é em si aprofundar…

voltar-se para dentro, se entregar, aceitar

conhecer, aprender, silenciar, recomeçar

e do encontro com a fonte…

transbordar, desapegar, fluir e confluir,

renascer na compaixão.

Anúncios