Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

Ter-se sem nada ter

paz interior

por alguns momentos… num estado diferente… estado por inteiro… sendo o meio… no incerto, certeiro…

dar tudo o que se recebe… dar tudo de si… não ficar com nada e ainda assim estar com tudo o que há… o estado de graça…

vamos à luta, voltemos à paz…

 

“Um homem inteiro é também um homem que, após ter fugido de sua sombra ou tê-la negado, acaba por aceitá-la e amá-la como a si mesmo.” Jean Yves Leloup – O Absurdo e a graça

 

Conto Zen: Vento

Certa tarde de outono, o mestre Ikyyu vagueava pelos campos, levando consigo uma flauta de bambu. Um eremita, ao vê-lo perguntou:

– Quem és tu?

– Sou um peregrino que segue para onde sopra o vento.

Tencionando pô-lo em apuros o eremita perguntou:

– E quando o vento não sopra?

– Então sopro eu – respondeu Ikyyu, começando a soprar na sua flauta.