“Nada ter para dizer”

por EM SI: LUGAR DE GRAÇA

“O homem perfeito usa a sua mente como um espelho. Ela nada aprisiona e nada recusa. Recebe mas não conserva”. Chuang-Tzu

O ego pode ser entendido como “o processo consciente de pensar”:

A centopeia era feliz, completamente.

Até que, de brincadeira, lhe perguntou um sapo:

“Qual é a perna que primeiro moves?”

Tanto se atrapalhou a sua mente

que não mais conseguiu andar…

Ao ver a realidade como se apresenta e não como ela é, e se especializar em aspectos desta realidade aparente, há sempre o perigo de “não se ser capaz de ver a floresta por causa das árvores”.

“Aqueles que sabem não falam. Aqueles que falam não sabem.” Lao-Tsé

“A forma não é diferente do vazio. O vazio não é diferente da forma. A forma é o vazio. O vazio é a forma.”

“O fogo não espera pelo sol para ser quente. O vento não espera pela lua para ser frio.”

“Partem as flores quando nos dói perdê-las. A erva daninha chega quando nos dói vê-la crescer.” Dogen

O Zen começa no ponto em que já nada existe para tentar alcançar, nenhum ganho a haver.

“Na paisagem primaveril não há alto nem baixo. Os ramos floridos crescem naturalmente, uns longos, outros curtos.”

“O perfeito Caminho (Tao) é sem dificuldade.

Uma diferença da espessura de um cabelo

E eis separados o Céu e a Terra!

Se queres alcançar a Verdade nua e crua

Não te preocupes com o certo e o errado.

O conflito entre os dois é a doença da mente.

Cada ação, cada acontecimento surge por si próprio:

Da superfície de um lago tranquilo salta subitamente um peixe.”

“Sentado tranquilamente, nada fazendo. A primavera chega e a erva, cresce por si própria.” poema Zenrin

“Se compreenderes, as coisas são exatamente como são. Se não compreenderes, as coisas são exatamente como são.” poema Zenrin

Fonte/Artigo:  Zen – A arte do silêncio e do vazio