Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

DesaFio Agora

Despertando do sonho. Acordando pra vida.

Resultado de imagem para caminho desafiar-se

Fio farto.
Fio fino.
Desfio,
Fio a fio…

Afio a fio,
Pois nós
Somos nós,
Meu fio…

Publicidade

“Quando tu…”

Quando tu flores flor,

Eu flor flores,

Nós flores seremos,

E o mundo florescerá.

EuSouVcEmMimNós

 

* Fonte: Anarquista.net

“Lá onde o vento faz…”

Lá onde o vento faz a curva, lugar sem tempo
Paradoxos se resolvem e o absurdo faz sentido
Onde se vai sem voltar, foi lá que Judas perdeu as botas
Nesse lugar onde zeros e uns se fundem
É lá que mora a verdade desta mentira
Lá, onde aqui se torna todo lugar,
Onde todo lugar se torna a única coisa que existe.

Chegarei lá quando me tornar aqui,
Quando o onde
E onde o quando
Deixarem de existir.

Marcos Correa

 

* Fonte: Anarquista.net

“Voe pra você”

Ama tua metamorfose, rara borboleta… Lagarta largada… Vai afundo em sua crisálida e volta… Borboleta rara…

Resultado de imagem para borboleta segue as antenas

A lagarta, largada no mundo… mutável por natureza… consome a tudo até consumir-se e largar o mundo do qual foi formada…

E em seu mundo interior adentra – perde-se, se desfaz e cai em si… se refaz e reencontra-se, cria asas e alarga-se… pelo novo mundo que se formatou…

Pelo mundo novo que carrega no céu-olhar e em céu-coração… com as experiências transformadas em asas… segue livremente de flor em flor, autoconsciente por amor… segue as antenas…

 

* Inspirado na canção “Menina Largata” – Supercombo