Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

Tag: eterno retorno

Eterno Aberto

“Você é o mundo.” Krishnamurti

Imagem relacionada

Agora aberto

Agora eterno

Ora, ora

Como é terno.

 

“Como é sabido, existem múltiplas possibilidades de mundo e as vezes precisamos fechar nossos ouvidos e sentir o silêncio que está acontecendo dentro e deixar o mundo se abrir para nós, e tornar-se o mundo.” 

“Não é um salto no abismo, mas uma travessia de uma ponte invisível através do abismo”. Entregar-se ao fluxo da vida, no silêncio presente, na presença perene, em conexão com aquilo que é e somos… no agora, nesta fenda/abertura, no vácuo, neste eterno aberto… somos um com o todo e simultaneamente somos nós mesmos, um ser comum.

 

* Citações do site AlexandraFilipe.com

Viva Passagem Viva

Tudo passa. Tudo se repete. Passe… Atravessando repetidamente.

Imagem relacionada

Não deixamos o passado.

Nem chegamos ao futuro.

Cruzamos aqui-agora…

Esta passagem presente.

 

Aberto ao presente. Abrindo o presente. Sendo presente.

Caminho da Autoconsciência

O serviço contínuo… Leva o noviço e eleva-o… Ao ser contínuo…

Mas que serviço? De ser… Como se é…

Resultado de imagem para círculo enso

comumente, o caminho é largo e raso…

mas cedo ou tarde, o caminho torna-se estreito…

e vem a tornar-se alto e profundo…

que é quando ingressamos no caminho de volta, no caminho interior…

rumo ao centro-aberto do eterno retorno…

 

Não se pode voltar no tempo para mudar, corrigir algo imperfeito… Mas pode-se perfeitamente aqui-agora, mudar qualquer tempo…

Cruzando o deserto.

O tempo não para, paira…

Imagem relacionada

No caminho… não existem atalhos, mas travessias.

Na travessia… estamos cruzando um caminho repleto de miragens, projetadas pelo caminhante.

Somos um deserto… silencioso, sereno e aberto, enquanto estamos silenciosos, serenos e abertos.

Silêncio é a voz da vacuidade… e sinal do caminho…

A M O – R – T E

Aprove a vida. Lembre-se de que você é mortal. Aproveite o dia. Há provação. Prove-se. Prove… Que a vida é… Prova de amor.

a cada morte…

…amor te amo

por toda vida…

…amor te amo

renascemos, viva!

…amor te amo

 

* Hoje pela manhã, minha filha de 7 anos, me disse: “Hoje é o melhor dia da minha vida”. E eu comentei: “Isso mesmo. Todo dia tem que ser o melhor dia da sua vida”. E a pequena gigante concluiu: “Eh! Hoje e sempre…”.

É Presente… Hoje e Sempre.

“Quando medito, me edito.”

“Os dois dias mais importantes da sua vida são: o dia em que você nasceu, e o dia em que você descobre porque nasceu.”

20190610_164638

Sem fim nem começo: Impermanente.

Morte-vida. Nascer-renascer. Ciclicamente.

 

“A culpa não pode resolver o passado. A ansiedade não pode mudar o futuro. Viva o presente.”

Intuição é a mais clara visão.

Um como Outro: Todo.

Olhar a vida e… Se ver… A vida…

Imagem relacionada

O que nós procuramos está na criança… O que a criança encontra… É laço… E está continuamente em nós… Ser nu e continuamente… Reatar o laço em nós…

OMundo

O mundo real… A realeza renascente, selada em si.

Imagem relacionada

O DOM NU

DOM UNO

UM DONO

NO MUDO

O MUNDO

 

Pairando sem parar… Repousando sem pousar… Suspenso sem pensar.

A totalidade centrada em si… O caminho de agora em diante.

 

* Carta “O Mundo” do Tarô Mitológico. “Representa a realização interior, o encontro do próprio lugar no mundo, a obtenção da justa recompensa pelos esforços realizados. O arcano também nos mostra a alegria de viver e de festejar as conquistas alcançadas. O Mundo evoca o amor à humanidade, o cumprimento tarefas sociais, o desejo de aperfeiçoar tudo que se faz, seja por necessidade, seja por lazer. Sugere que nos apresentemos no mundo de forma natural, espontânea, com nossos dons naturais, sem artifícios, implantes ou plásticas. Procure colocar a espontaneidade em primeiro lugar e aceitar com criatividade os limites que o mundo e a sociedade colocam.

Ser Florescência

É com paixão e compaixão… “Saber sofrer, saber calar… Saber se abster, saber morrer”… Ser mago… Ser é pura magia…

A inspiradora parábola das flores sem perfume

Somos flores… A crescer, desabrochar e perfumar…

Mas para vir a exalar o ar da graça… Ver se desvendando… Realizar-se nesta graça…

A existência nos provoca, nos convida, nos testa, nos desafia…

A conhecer a própria natureza, a investigar os mistérios e leis da vida…

Possibilitando por experiência e transformação… Desdobrar todas as pétalas… Até então, não reconhecidas…

Está na cara, de corpo e alma… Que é perene impermanência…

Não se descobre e libera o essencial sem metamorfose, sem a florescência…

Exalar o perfume interior, realizar-se flor de amor… É em si uma alquimia…

Recebe-se a vida… logo, um propósito, uma missão implícita… A jornada, o mito, a saga é descobrir-se o sentido da vida… Devolvendo o que se recebeu… Dando a vida à vida…

A condição é tornar-se incondicional…

Ave! Pouso! Voo! Repouso!

No quesito fantasia… o pássaro é real.

Imagem relacionada

“Um pássaro não teme que o galho quebre… pois sua confiança está em suas asas…” e em seu pleno voo.

Imagem relacionada

“Reconheça a verdade embora doa”… Na chegada, encontramos… Retornamos ao ponto de partida.