Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

Tag: justiça

Caminhando a Fé.

Ave Mãe, Ave Maria… Amar, Amar, A Maria…

Com amor e tolerância.

Compaixão e paciência.

Com justiça e consciência.

 

O intuito é ser de graça… A intuição é de graça… A graça é ser como é… De coração, gratuita gratidão…

Conheça e Ama… Amanheça.

“Conheça a verdade e a sabedoria o libertará.”

Resultado de imagem para borboleta sai da crisalida

Não dá para ignorar.

Até dá, mas lembre-se de que…

Quem só ignora, ignorante está.

 

Experienciar para conhecer… Conhecer para vivenciar e se reconhecer… Despir-se discernindo o joio do trigo… A verdade se desnuda e mostra tua íntima sabedoria, mas somente para aquele ser humilde que desnuda-se inocentemente… Agora mesmo, mesmo que agora não seja o mesmo…

Despindo, Despindo-se até Despertar… Seguindo em frente, de coração e a mente presente, num constante e cíclico Desdobrar-se…

“Eternidade Reencontrada” – Jean-Yves Leloup

Entrevista com Jean-Yves Leloup ao jornal Diário do Nordeste, em 09/09/2002.

Para você, o que significa a fé?

Jean Yves Leloup – A fé é o que os antigos chamam uma virtude teologal, ou seja, um poder de ordem divina, uma inteligência maior do que minha inteligência. Em certos momentos, sou mais inteligente do que a inteligência que tenho…! E nesses momentos eu sei o que é a fé. Os latinos insistem, sobretudo, na noção de ‘confiança, de nos confiarmos a …’, enquanto que os gregos chamam a atenção para ‘a abertura de nossa inteligência para uma maior’. A proclamação eu creio em Deus significa literalmente ‘conheço a Deus como Deus se conhece; deixo Deus conhecer-se em mim’.

Você pensa que, na educação cristã, a noção de perdão é bem explicada?

Jean Yves Leloup – É verdade que não se pode dizer a alguém que ‘é necessário perdoar’, assim como não é possível dizer que ‘é necessário amar’; a fórmula é necessário é algo supérfluo. No entanto, podemos aceitar o que é, procurar compreender, até mesmo exigir compreender o que se passa. Com efeito, exigir é também uma forma de respeitar o outro, é exigir dele que se dê conta do que fez. Em seguida, no âmago do enfrentamento que reclama justiça, há um momento em que somos como que lavados de nossas memórias. Neste instante, intervém alguma coisa que está para além do eu, para além do dom: é isso o que se pode chamar perdão.

Você diz que o orgulho é pura estupidez. Não poderíamos dizer o mesmo do medo: o medo do julgamento dos outros, o medo de nossos próprios limites, de nossas fraquezas?

Jean-Yves Leloup – É verdade que o orgulho é, muitas vezes, alguém fraco, frágil; ele tenta preencher sua carência com vaidade. É por isso que devemos ter compaixão pelos orgulhosos: na maior parte das vezes , eles são miseráveis. Com alguém que reconhece sua fraqueza, sua carência, é possível crescer. Trata-se de devolver-lhe seu amor próprio, sua dignidade. Pelo contrário, não é possível devolver ao orgulhoso seu amor próprio, sua dignidade, porque ele julga que já é detentor de tudo isso!

Será possível que alguém que tenha vivenciado experiências afetivas decepcionantes, traumatizantes, conserve a confiança no ser humano?

Jean-Yves Leloup – Não. Estou pensando no versículo que diz: ‘Infeliz do homem que confia no homem’. A confiança deve ser depositada não no homem, mas na vida que está nele: depositar confiança no que há de melhor nele; caso contrário, depositar confiança em uma pessoa é dedicar-se a uma grande decepção.

Será que podemos reencontrar o sentido profundo da palavra felicidade?

Jean-Yves Leloup – A etimologia da palavra felicidade é muito significativa. É a ‘boa hora’, de estarmos presente onde estamos! Seria necessário devolver à palavra felicidade sua dimensão feminina (a boa hora) que é uma forma de esposar o instante. A felicidade é reencontrarmos em nós a capacidade para amar, porque tudo o que fazemos sem amor é tempo perdido, é feito em má hora, é uma infelicidade… Enquanto tudo o que fazemos com amor é a eternidade reencontrada. Desse modo, a felicidade nos é dada por acréscimo.

Corpo Cruz. Rosa Alma.

Do jardim em si… Brotar e desabrochar… Crescendo e florescendo até exalar… O perfume essencial…

Resultado de imagem para rosa na alma rosae crucis

SOAR

ROSA

:

ROSA

SARO

Devida Vida.

Compaixão, dar-se de coração… Gratidão, receber-se de coração… Perdão, desbloquear o fluxo gratuito do coração…

20190618_090048

dê vida…

a vida que recebeu.

dê vida…

a reciprocidade é

o que se pode chamar de vida.

 

Ser grande, sendo íntegro.

Ser inteiro… O caminho do meio…

“Sem um centro a vida não tem sentido.”

Resultado de imagem para espiral da natureza

A partir de agora… Ser uma pessoa melhor… E de novo agora… Sendo uma pessoa melhor…

Sendo… com sua humildade e paciência cada vez mais maior… Sendo… com sua compaixão e compreensão cada vez maior… Com sua paz cada vez mais profunda…

Resultado de imagem para espiral da natureza

Por você… Ser uma pessoa inteira…

“Ouve a disciplina de teu pai e a direção de tua mãe“. Com os dois em Si… Somos aquela harmônica trindade.

Sendo… Reconhecendo…

Olhar e Ver… Enxergar ao Ver-se…

Imagem relacionada

Reconhecer a unicidade na diversidade

E a igualdade nas diferenças…

Reconhecer o todo nas unidades

E o real nas realidades…

 

“Aprendo o silêncio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores.” Khalil Gibran

Aceita de corAção.

“O pensamento quando cala a voz do coração, se converte em difamador dos valores conscientivos”.

“Sobrepuja com sabedoria os receios e goza do que é teu em esperança”.

Resultado de imagem para conscientivos

“Sobre o injusto sempre estará a espada da Justiça e não se deve dar a ninguém o que nós não queremos”.

“Vejam, teus olhos, sem temor, e tuas mãos, com amor”.

 

* Citações do Oráculo Egípcio Kier. Fonte: Gnosisbrasil.com

 

Claro : Colar

IMG_20181208_234548_382

clariFique, continuAndo…

clariFicar incessanteMente…

clariFicando em si-agora…

 

* Imagem: Meu autorretrato… propósito-desafio… Ser flor, mesmo na dor, em paz, por amor…

Provérbios Transcendentes

Imagem relacionada

”Em teu segredo não entre minha alma, nem em teu porto meu navio”.

Beba a gota de tua cisterna ou a abundância do teu poço.”

“Não empunhe a espada vingadora, nem tenha temor da espada reparadora.”

”Edifica um altar em teu coração, mas não faça de teu coração um altar.”

 

* Citações do “Oráculo Egípcio Kier”.

* Imagem: Arcano 22 – “O Louco – O Regresso”