Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

Tag: ser luz

Vossa San(t)idade

“Ainda que eu falasse a língua dos homens e falasse a língua dos anjos, sem amar eu nada seria.”

Imagem relacionada

Com lucidez…

Deixo a luz passar por mim…

E transparecer o numinoso em mim…

 

“A luz não se mistura, ela pode iluminar o que for e a quem for. Que sempre permanece incontaminada.  A luz clareia a tudo e a todos sem distinção. Ilumina tanto uma pedra como uma frágil teia de aranha sem danificá-la.”

Está claro?

“Muito ganha aquele que aprende, quando perde.”

Imagem relacionada

Aprende ao perder… a ilusão.

Nada permanece. Tudo é impermanente.

Aprenda ao ganhar… a desilusão.

Tudo é impermanente. Nada permanece.

 

Agora é claro, mesmo nas sombras do tempo…

Em Si…

Entrega constante, acolhimento contínuo, escuta presente, silêncio vivo…

Resultado de imagem para Mario Cea

O silêncio não se opõe, não nega, não rejeita ou conflita com o caos interior e o caos em nosso cotidiano, mas é a presença fluida a todo momento…

Uma coruja começa sua jornada com a s primeiras luzes da lua.

mario cea

Silêncio é a Presença em ti… Presença que nos convida. Presença que nos guia. Presença que nos religa a fonte. Presença que é a consciência.

 

* Fotografias de Mario Cea

Luz a sua estrela!

Sonhe a noite. Acorde pela manhã.

Imagem relacionada

Neste céu aberto e profundo…

Em que silenciosamente avistamos…

Encontramos o que no fundo no fundo é em nós…

Um lago sereno… Um laço infinito…

O que nos assombra? O que nos ilumina?

“Abrace a sua sombra e traga ela pra vida. As vezes, no escuro se encontra a saída.”

Imagem relacionada

O que não está claro e tememos é o sombrio. O que está esquecido mas negamos, rejeitamos, abandonamos e mantemos escondido é sombrio. O que não queremos mostrar, o que impedimos de se revelar, o que negamos estar em nós, o que não se expressa é a nossa sombra que nos assombra… assombrando a realidade que se vivencia.

Pode ser uma dor sentida, uma dor ressentida – o sofrimento, pode ser uma memória ruim e o medo daquilo se repetir, um erro, um engano, uma decepção, um apego, um segredo não tão bonito, pensamentos ofensivos e opressivos, sentimentos egoicos, julgamentos injustos, preconceitos, justificativas e pode ser o que há de mais puro em nós, mas está obscuro, bloqueado por nós e nos deprimindo…

Todas as formas de velar-se, de aparentar o que não é, de fingir como está, de ocultar a luz do entendimento, a clareza do discernimento, todo modo de evitarmos, fugirmos ou bloquearmos a nossa sincera, legítima e espontânea expressão… não pacifica nosso mundo interior, não limpa a consciência, não estamos em sã consciência… somos o anti-herói da própria existência…

 

É preciso chorar.

É preciso botar pra fora… o que nos paralisa.

É preciso esvaziar-se do que provoca o nosso vazio existencial.

É preciso ouvir e ser ouvido, ver e ser visto.

É preciso se respeitar, se aceitar, assumir-se e acolher-se.

É preciso cuidar-se, amar-se, se refazer e se curar.

É preciso realizar as tais catarses e…

Unir-se àquilo que é em si… o vivo.

 

É insuportável viver repetindo-se e se consumindo pelo desamor e sofrimento… Reciclar-se e se renovar é a forma de manter-se sustentável no presente da plena presença… É tempo de aprender a crescer pelo amor e florescer na cura… Tempo de refazer as asas com as próprias penas… e encontrar-se nas alturas do céu aberto-coração…

Autenticado por Ti.

Há lei da vida. A lei dá vida. Seja legítimo.

Resultado de imagem para autodescoberta

Quando mais é menos…

Sendo mais ativo e menos reativo…

Somos vívidos, estamos vivos…

Imagem relacionada

Independente do que passou, dê um passo adiante… pois passagem é…

“Acordar do Coma”

A luz no fim do caminho é em si o princípio… circuLar…

Resultado de imagem para luz no fim do tunel

É preciso reconhecer o morrer… conhecer o nascer…

É preciso conhecer a morte… reconhecer a vida…

Viver é atravessar a morte em vida…

 

“E todo dia. Eu nasço, eu cresço, eu adoeço. Eu morro um pouco mais. Pra me trazer pra vida. E todo dia. Vai ser pra sempre um recomeço. Eu me deixei pra trás. Pra nascer na sua vida.” Acordar – Fresno

Ballet Existencial

Olha e vê… você. Dança a mudança… Que é você. O medo encobre a coragem. A coragem descobre o medo. A vida pede passagem.

Resultado de imagem para clip sia chandelier

Segue a dança…

Por renováveis mudanças…

Sob a canção harmônica do coração…

Imagem relacionada

A presença ocupa um lugar onde não é local, mas é sentido… o sentido vital…

 

* Imagens do (assombroso e revelador) videoclipe: “Chandelier”, da artista Sia, com a dançarina Maddie Ziegle.

Sim em Si

Afirmo, Confirmo, Firmo equilibradamente…

Imagem relacionada

discernindo

o equilíbrio

do desequilíbrio

eis o caminho.

Imagem relacionada

Luz acesa, escuridão esclarecedora…

Luz Veloz

Imagem relacionada

Feito um cometa…

Passamos queimando

Deixando estragos, rastros

E quem sabe luzes…

Imagem relacionada