Um Sol Coração

Onde a vida está? Onde tu és?

Tag: tarô

Lá naquela Estrela em Ti

“Não se pode prever o futuro. Tudo é impermanente. Mas a esperança no porvir traz a força para lutar pelo o que é verdadeiramente essencial na vida.”

Sem dogmas, com fé!

 

O que te faz acreditar no amanhã?

“O que te faz continuar a sonhar, a desejar, a planejar o futuro? Não há garantias, nenhuma certeza. Então, por que continua? A resposta para isso está na fé. Mesmo aqueles que se dizem céticos possuem fé. A fé não é necessariamente religiosa. A fé é a esperança.

Quem perde a esperança, perde a fé. Quando se perde a fé, a vida torna-se sombria, doentia e amorfa. Quando há fé, há confiança em seguir, em perseverar por seus objetivos.

Quando a fé é racionalizada ela perde sua força. Tentar explicar a fé é matá-la, tira-se dela seu poder cósmico, restando apenas a desesperança.

A fé não pode ser uma crença criada pela mente.  A fé é a certeza e a confiança de que a sua existência é uma parte de um todo e não um fim em si mesma. Ela nos remete ao sentido cósmico de nossas vidas, à nossa espiritualidade.

A fé está ligada à espiritualidade. Quanto mais materialista é nossa forma de viver, mais distanciados ficamos dos aspectos sutis da própria vida. Integrarmos às demais forças da natureza e do Universo traz outro sentido de vida e ajuda a nos libertarmos dos antigos padrões há muito obsoletos e que só nos traz sofrimento e dor.

A fé se relaciona com a pureza e, para essa purificação, é preciso se despir de todas as camadas de maquiagem, de armaduras e de máscaras. É preciso abolir as crenças autossabotadoras que restringem a autoconfiança e a capacidade de crer em seu potencial e em quem é.

A fé permite caminhar, confiar e acreditar em sua jornada, no amor e, principalmente, na própria vida.”

Que a luz de sua estrela brilhe com amor e fé em si mesmo!

Por Magda Chiossi – TaroAutoconhecimento

Ser autentico. Comumente único.

Cada um é um, ao mesmo tempo, todos somos um.

Resultado de imagem para hierofante

Seja, exista.

Esteja, experiencia.

Se preciso, resista.

Mas se flexibiliza.

Só não desista.

Viva e reviva.

Abra-se, mergulhe-se e ascenda…

O Papa-Hierofante nos tarôs Fenestra e Waite

Leal consigo mesmo… Fiel ao caminho… Com fé consigo…

Tu és a Ponte para o Uno.

Tarô: XVII – A Estrela

“Não se pode prever o futuro. Tudo é impermanente. Mas a esperança no porvir traz a força para lutar pelo o que é verdadeiramente essencial na vida.”

Sem dogmas, com fé!

O que te faz acreditar no amanhã?

“O que te faz continuar a sonhar, a desejar, a planejar o futuro? Não há garantias, nenhuma certeza. Então, por que continua? A resposta para isso está na fé. Mesmo aqueles que se dizem céticos possuem fé. A fé não é necessariamente religiosa. A fé é a esperança.

Quem perde a esperança, perde a fé. Quando se perde a fé, a vida torna-se sombria, doentia e amorfa. Quando há fé, há confiança em seguir, em perseverar por seus objetivos.

Quando a fé é racionalizada ela perde sua força. Tentar explicar a fé é matá-la, tira-se dela seu poder cósmico, restando apenas a desesperança.

A fé não pode ser uma crença criada pela mente.  A fé é a certeza e a confiança de que a sua existência é uma parte de um todo e não um fim em si mesma. Ela nos remete ao sentido cósmico de nossas vidas, à nossa espiritualidade.

A fé está ligada à espiritualidade. Quanto mais materialista é nossa forma de viver, mais distanciados ficamos dos aspectos sutis da própria vida. Integrarmos às demais forças da natureza e do Universo traz outro sentido de vida e ajuda a nos libertarmos dos antigos padrões há muito obsoletos e que só nos traz sofrimento e dor.

A fé se relaciona com a pureza e, para essa purificação, é preciso se despir de todas as camadas de maquiagem, de armaduras e de máscaras. É preciso abolir as crenças autossabotadoras que restringem a autoconfiança e a capacidade de crer em seu potencial e em quem é.

A fé permite caminhar, confiar e acreditar em sua jornada, no amor e, principalmente, na própria vida.”

Que a luz de sua estrela brilhe com amor e fé em si mesmo!

 

Por Magda Chiossi – TaroAutoconhecimento

Ser reto neste tortuoso caminho.

Ilumine as tuas sombras e o caminho lhe será revelado…

Imagem relacionada

“O menor ato de bondade vale mais do que a melhor intenção.”

A primeira intenção é a vontade do coração… A segunda é o desejo da razão…

Consciência é… Agir justamente com a mente aberta… Em sintonia com o intuitivo coração…

 

“Os vossos pomares dão para continuar a viver, pois reter é perecer.”

“Pois na verdade é a vida que dá vida – enquanto você, que se considera um doador, é apenas uma testemunha.”

“Eremita é o guardião do tempo. […] Que distribui a sabedoria e a verdade que foi buscar na eternidade de conhecimentos que o precedeu” Stuart R. Kaplan

 

* Citações de Khalil Gibran

soLar, solAndo

“Alegre na esperança, sofrido na tribulação, seja constante na oração.”

O Sol e a dualidade

“A dualidade nada mais é que dois jovens querendo se entender.”

O Sol no Tarot de Marseille-Kris Hadar

Sol quente

Sol potente

Intimamente

Face luz!

Faz-se luz!

Laço: Universo em Nós.

Quem procura, acha. Quem acha, procura.

Pierre

ter consciência

nada ter, todo ser

nem ganhar, nem perder

ser consciente

 

* Imagem: Mosaico do ceramista Pierre Leroy Terquem – Pierrot.toutautour.com

 

 

 

Boa! Bom humor, faz Bem…

A verdade liberta

“A verdade liberta, mas só depois de acabar com você…”

Quando as cartas não dizem o que ele gostaria de ouvir

“Quando as cartas não dizem o que gostaria de ouvir, ele desenha um novo tarô…”

O Eremita anda só

“Um homem começa a ficar velho quando prefere andar só do que mal acompanhado.”

 

Fonte: ClubeDoTaro

Aquele que aceita-se sempre alcança.

Quem aceita-se, sempre esperança…

Imagem relacionada

A sábia anciã, o velho sábio, a sabedoria interior…

É aquilo que é: Princípio e fim em si…

Há uma centelha, o fogo da vida…

Uma chama… Que é a voz do silêncio…

O caminho em céu coração…

Somos chamados à vida pela vida… para atravessarmos os medos, os véus da ignorância… As entraves da negação… As feridas do abandono e da rejeição… A prova de amor é conhecer e compreender as causas da dor… A dor na consciência é a falta de amor… A falta de igualar as diferenças… A falta de integrar os fragmentos, unir os opostos… Que estão lá em si mesmo… Encontrar-se é senão, perdoar-se… O encontro é senão, compadecer com aquele… E agradecer por aquele… Que tu és… Amar-se é a essência do Amor…

E paradoxalmente somos completos: perfeitos e imperfeitos… Em processo de circulação… Fluindo e voltando ao princípio da renovação… Todo dia termina em noite, toda noite acaba em dia… Ser por Inteiro… é o fim, a finalidade do princípio, o sentido de ser vivo… 

 

Circule… De volta para Si.

“Tudo é para o bem.”

O céu interior… Espelha… O céu superior…

quando houver nuvens, paciência

quando houver chuva, compadeça

quando houver raios, prudência, humilde seja

quando houver ventos, ventile, observe com clareza

quando for noite, seja luz

quando for dia, céu azul

Enquanto for, será, pois é…

 

Olhar para dentro… Entrar na “toca do coelho” e ver além do “ego – eu dualista”… E ver aquele que é… Eu por inteiro, o Eu Sou: Uno com o Todo…

 

 

 

AtualizAndo

Resultado de imagem para zero louco tarot

eu sou

zero

antes e depois

durante

continuamente

de agora

em diante

 

Ar ousar, Ar sou Ar…